Noticias

Boas Noticias: Alex Telles, Soares, Danilo e Marega

Marega já “antecipou” uma recuperação em novembro, voltando 10 dias mais cedo do que era previsto.

Sérgio Conceição já o disse em mais do que uma ocasião e as próximas duas semanas encarregar-se-ão de lhe dar razão. A paragem para os compromissos das seleções só vem ajudar o FC Porto, que terminou anteontem uma fase de um desgaste competitivo tremendo (17 jogos em dois meses e meio) e olha para o futuro com mais tranquilidade e um plantel… mais largo. Dos quatro lesionados dos últimos tempos, dois (Alex Telles e Soares) já estarão em condições para jogar em casa do Belenenses, no regresso do campeonato, marcado para 2 de abril, segunda-feira logo depois da Páscoa.

O lateral-esquerdo vai completar um mês de paragem e até pode ser integrado nos treinos já na quarta-feira, para ganhar 10 dias de trabalho normal e assumir o lugar que foi praticamente sempre seu desde que chegou ao FC Porto, há quase dois anos. Soares está clinicamente apto e até foi para o banco com o Boavista. Tiquinho já sabia que só entraria se a equipa realmente precisasse de mais um avançado, mas o 2-0 deu alguma folga e permitiu o repouso que se impunha. Agora, o atacante vai acelerar, ganhar forma, reforçar os músculos e aproximar-se do grande momento que vivia antes desta curta paragem. Com Aboubakar em jejum de golos há mais de um mês e os reforços Waris e Gonçalo ainda à procura do primeiro, Sérgio Conceição agradece a volta de Tiquinho.

Além dos dois brasileiros, Danilo também tem condições para estar clinicamente apto, mas por vir de um período maior de paragem (mais de dois meses) precisará de retomar a confiança e os índices físicos normais e só depois, então, poderá jogar. Tendo em conta o bom desempenho da dupla Herrera-Sérgio Oliveira, o mais provável é que o treinador portista o guarde para a jornada seguinte, contra o Aves, na antecâmara do clássico com o Benfica que pode decidir a Liga.

Por fim, Marega. No boletim clínico dos azuis e brancos, o maliano é o único jogador que se mantém exclusivamente em tratamento. O atacante contraiu uma rotura muscular e não é seguro, sequer, que possa jogar com o Benfica. Marega já “antecipou” uma recuperação em novembro, voltando 10 dias mais cedo do que era previsto. Nesta fase, porém, é prematuro arriscar um prognóstico. O jogador voltará em abril, mas pode ser apenas mais lá para o fim do mês.

Fonte: ojogo.pt


Adiciona um comentário