Noticias

FC Porto na Champions: os milhões ganhos e três destaques na montra

Participação do FC Porto na Liga dos Campeões terminou na terça-feira ao fim de oito jogos.

A participação do FC Porto na Liga dos Campeões terminou na terça-feira ao fim de oito jogos. Os objetivos mínimos foram alcançados com o 14.º apuramento para os oitavos de final e um encaixe financeiro superior a 24 milhões de euros só de prémios pagos pela UEFA, o dobro do recebido pelo Benfica e que o Sporting só poderá ultrapassar se chegar à final da Liga Europa. Terminada a prova para a equipa de Sérgio Conceição, a hora é de fazer um balanço à participação, cujo epílogo foi um empate em Anfield.

Com três vitórias e dois empates na fase de grupos, o FC Porto assegurou o segundo lugar, acabando eliminado pelo Liverpool na sequência da goleada sofrida no Dragão. Aboubakar foi o artilheiro dos portistas com um terço (5) dos golos da equipa, juntando-se ainda ao lote de cinco jogadores que fizeram duas assistências na competição. Alex Telles foi outro dos destaques entre os dragões. De acordo com as estatísticas oficiais, o brasileiro foi quem mais correu no FC Porto (70,5 quilómetros nos sete jogos que efetuou), mas também aquele o que mais cruzamentos conseguiu (50, dos quais 16 chegaram ao destinatário). Finalmente, também o capitão Herrera se destacou ao nível da circulação de bola. O mexicano, muitas vezes criticado neste dado estatístico, foi o jogador com mais passes no geral (337) e o que mais passes acertou (227) entre os 25 utilizados por Sérgio Conceição na prova. Só em Liverpool estreou Bruno Costa e Dalot.

Fonte: Ojogo.pt


Adiciona um comentário