Noticias

FIFA instaura processo: Venda de Ederson para o Benfica sob suspeita

Notícia do JN adianta que FIFA terá descoberto infrações relacionadas com a participação de fundos de investimento

O Jornal de Notícias adianta na edição impressa desta quinta-feira que a FIFA instaurou um processo disciplinar ao Rio Ave devido à venda de Ederson. O agora guarda-redes do Manchester City saiu do clube de Vila do Conde em 2015/16 para o Benfica, um negócio em que o Rio Ave ficou com 50 por cento dos direitos económicos, sendo que 20 por cento seriam destinados à Gestifute numa transferência posterior.

O JN acrescenta que a FIFA “terá descoberto infrações relacionadas com a participação de fundos de investimento bem como irregularidades no fornecimento de dados no Transfer Matching System (TMS)”, a plataforma onde são comunicadas as transferências de jogadores. A mesma notícia refere ainda que há outros inquéritos em curso associados a jogadores do Rio Ave que são agenciados pela Gestifute.

Este processo, adianta o JN, surge na sequência de outra investigação da FIFA, que aplicou uma multa de 44 mil euros ao FC Porto, devido à influência de fundos na contratação de Brahimi.



Adiciona um comentário