Declarações Liga dos Campeões

Nuno: “Queremos mostrar que esta juventude é uma virtude”

image-23

Nuno Espírito Santo explicou porque fez apenas duas substituições no Copenhaga-FC Porto

O caminho: “As coisas boas vão acontecer, a qualidade existe e este jogo, esta exibição, mostrou que este é o caminho.”

Sem ansiedade: “O papel da equipa técnica é não deixar que os jogadores desconfiem da sua capacidade. Esse é o nosso papel. Sabíamos da importância do jogo, os jogadores interpretaram bem o que foi pedido. Os jogadores estão de parabéns e queremos mostrar que esta juventude é uma virtude. Repito, o trabalho da equipa técnica é não deixar que a equipa sinta ansiedade”

Duas substituições: “Não se justificava outra mudança, os jogadores estavam a fazer bem. Foi demasiado evidente que o controlo do jogo foi sempre do FC Porto. O Depoitre não jogou? São opções que tomámos baseadas no que vemos. As substituições podiam ser outras, mas estamos sempre sujeito à análise”

Depender do Dragão: “O resultado não é o que queríamos, mas devo salientar que dependemos de nós, depende do jogo no Dragão e depender disso é bom. E a equipa tem dado sempre boa resposta no que depende dela”

Adiciona um comentário

Segue-nos no Facebook

Mais vistos