Crónicas

Poema: FC Porto 4 vs Belenenses 0

PORTO «« (4-0) »»» BELENENSES !…
Árbitro: Jorge Ferreira.
7ª.Jornada, jogo em 04/10/2015.

A jogar certinho entramos…
Too o tempo dominamos…
No primeiro não marcamos,
Pois no passe exageramos !

PORTO podia ter marcado (19′-Corona e 32′-Maicon)
Em duas boas ocasiões.
Ver placar inaugurado
Ansiavam os Dragões !

O Maicon lesionou-se (lesão muscular)
Com o intervalo a chegar. (45’+1′)
Ele demais esforçou-se
Para um golo evitar !

O Belenenses entrou
Para o nulo conservar.
Primeira-parte aguentou…
Quatro acabou por levar !

Tanto tempo sem marcar, (53′)
Era castigo merecido.
O-passa-e-torna-a-passar … (exagerado)
É sempre tempo perdido !

Após jogada brilhante, (+ uma de Brahimi)
Corona o placar abriu ! (54′)
Dragão explode radiante…
Três pontos já pressentiu !

Logo a seguir ao primeiro,
Como o ferrolho cedu,
Cabeceamento perfeito…
E o segundo apareceu ! (57′-Brahimi)

O jogo só dava PORTO
E o terceiro se marcava, (80′-Osvaldo)
Sentiu-se total conforto…
Vitória já não escapava !

Layún canto executou…
O Marcano mais saltou…
À vontade cabeceou
E o marcador encerrou ! (87′)

Futebol a transbordar
Dum Brahimi endiabrado,
Seu começo fez lembrar !…
Há contrato melhorado !!!

O Brahimi e o Corona
São exímios a fintar,
Provocam dores na mona
Nos que os estão a marcar !

Ruben Neves Capitão (segunda-parte. Parabéns Mister!)
Foi bonito de se ver !
É fruto da Formação… (só tem 18 anos)
Este dia não vai esquecer !

Com futebol agradável.
Melhor onze está a crescer,
E assim torna-se provável
PORTO no fim Campeão ser !

O árbitro Jorge Ferreira,
Não se fez nada notado,
Mas ao agir desta maneira…
Ao chefe vai ser chamado ! (penso eu)

De: POETA AZUL.
05/Outubro/2015.

Adiciona um comentário