Sem categoria

Vale e Azevedo livre do processo de apropriação de 1,2 milhões do Benfica

João Vale e Azevedo ficou livre do processo em que era acusado de apropriação indevida de 1,2 milhões de euros do Benfica, verba relativa aos direitos de transmissão televisiva dos jogos europeus do clube entre 1998 e 1999.

A TVI teve acesso a um documento, datado de 20 de fevereiro, que é elucidativo sobre o tema. O Tribunal Judicial de Lisboa ordena o arquivamento definitivo do caso, dando razão a um acórdão do Tribunal da Relação, favorável à prescrição do procedimento criminal por já terem decorrido mais de 20 anos da prática dos factos.


Adiciona um comentário